Vallourec faz acordo com o MP para mitigar danos após transbordamento em Nova Lima

MP quer que empresa dê garantias financeiras para ressarcir governos em ações de reparo após incidente

Foto: Reprodução/Itatiaia - Lama invadiu BR-040 em Nova Lima, após transbordamento de dique da Vallourec - 08/01/2022

A mineradora Vallourec anunciou acordo com o Ministério Público de Minas Gerais para ações de mitigação aos danos que o transbordamento de um dique causou próximo a BR-040 e também próximo ao Alphaville, em Nova Lim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A empresa terá que disponibilizar pelo menos R$200 milhões para ressarcimento a ações governamentais que foram necessárias após o incidente. O transbordamento ocorreu no dia 8 de janeiro devido ao alto volume de chuva.

Além disso, o acordo preliminar contempla ações emergenciais, o compromisso de fazer a recuperação ambiental da área afetada, entre outras medidas. Segundo a empresa, grande parte das medidas já estão em andamento.

“São mais de 160 ações emergenciais executadas ou em andamento, entre elas a liberação da rodovia, a remoção e contínua assistência aos moradores da única casa localizada na mancha de inundação e a transferência de mais de 600 animais silvestres do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras) do Ibama para criadouros e viveiros credenciados por órgãos ambientais”, afirmou a companhia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.