Prefeitura acata decisão judicial e encaixa cidade em plano de flexibilização do governo do estado

O Gabinete de Crise para o Coronavírus em Nova Lima, acatou nesta terça-feira, dia 19, a decisão judicial do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), que determina o fechamento do comércio não essencial da cidade. O município passa a seguir regras do Plano Minas Consciente. Alguns estabelecimentos terão que fechar novamente. Medida vale a partir desta quarta-feira, dia 20.

O plano do governo estadual é dividido em três fases (onda verde, branca e vermelho) e cada uma tem novos estabelecimentos permitidos a funcionar e a decisão de avanço depende do número de casos e estrutura de saúde do município. Nova Lima entra na segunda fase (branca) e tem permissão para abrir neste momento lojas de antiguidades e objetos de arte, armas e fogos de artifício, artigos esportivos e jogos eletrônicos, floriculturas, além de lojas de tecidos e afins.

Os demais estabelecimentos comerciais abertos através do decreto 10.043, de 5 de maio, que permitiu a abertura da gradativa da atividade comercial deverão ser fechados novamente. Os comércios considerados essenciais também permanecem abertos.

Estabelecimentos que devem fechar novamente

Em nota, o Governo Municipal informou que a reabertura foi estudada por técnicos e que a cidade apresenta estrutura hospitalar e de fiscalização necessária par tal decisão. “O Governo Municipal havia se baseado em fatores como dados epidemiológicos constantemente acompanhados (dos 110 casos confirmados até o momento, 94 pacientes já se recuperaram e apenas 4 passaram por internação; a cidade também não registrou nenhum óbito confirmado por coronavírus); além do conhecimento detalhado do comércio local, que conta com pequenos empreendimentos em sua maioria e os maiores, que são do setor de alimentação (como supermercados), já estavam em funcionamento”.

Ainda de acordo com o Executivo, no período em que a flexibilização esteve vigente, foram lavrados mais de 2 mil ações de notificação, orientações verbais, ações educativas e de conscientização, panfletagem, fechamentos, atendimentos a denúncias, operações e conferência de planos de ação, além do enrijecimento de determinações de funcionamento dos restaurantes, proibindo a colocação de mesas nos passeios.

Nova Lima tem nesta quarta-feira, dia 20, 110 casos confirmados da doença e 94 deles são considerados curados, além de outros 788 sob investigação, dois óbitos sob investigação. No Brasil, os números do Coronavírus têm crescido diariamente, nesta terça, dia 19, foram registrados 1.179 mortes em 24 horas. Com isso, o país soma 17.971 mortes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.