Após cortes do Governo Federal, escolas estaduais de Nova Lima não funcionam na quarta

Após cortes iniciados pelo Governo Federal, escolas estaduais resolveram aderir a greve nacional neste dia 15

A escola Polivalente

Publicidade

As escolas estaduais de Nova Lima não vão funcionar nesta quarta-feira, dia 15, segundo informou o professor Pedro Dornas na sua rede social Facebook. O motivo é a greve nacional do setor de Educação no país, após os cortes do Governo Jair Bolsonaro na área.

O Ministério da Educação (MEC) cortou 30% das verbas alocadas para as universidades federais o que provocou sérias reações do setor. Segundo o MEC, a ideia é realocar tais recursos para a área de Educação Básica, mas o governo também efetuou cortes nestes gastos.

Segundo a publicação no Facebook, as escolas estaduais vão retornar as aulas na próxima quinta-feira, dia 16. O Governo de Minas Gerais também vem passando por dificuldades fiscais nos últimos anos. Neste ano, por exemplo, o governador Romeu Zema (Novo) cortou o programa “Escola em Tempo Integral” em várias cidades.

Não apenas os recursos para as universidades foram cortados. Várias bolsas ligadas à ciência e tecnologia em âmbito federal foram também suprimidas da estrutura administrativa da União. Em Minas, várias bolsas da Uaitec (Universidade Aberta e Integrada) foram também cortadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.