Polícia Civil prende mais um acusado de estelionato em Macacos

Civil já havia prendido um outro homem acusado do mesmo crime na região

O delegado Murillo Ribeiro - Foto: Reprodução Instagram

PUBLICIDADE

A Polícia Civil anunciou a prisão de mais um suspeito de aplicar golpes na região de São Sebastião de Águas Claras (Macacos), na Região Metropolitana de Belo Horizonte, ao receber auxílios da mineradora Vale, sendo que não é uma pessoa atingida pela situação da barragem B3/B4.

O homem identificado como Samuel Batista dos Santos, de 25 anos, é o segundo a ser preso pelo mesmo motivo. Na semana passada, Luiz Carlos da Silva, de 56 anos, já havia sido preso pela 3ª Delegacia de Polícia Civil de Nova Lima. Um outro suspeito está foragido.

A Polícia Civil informou que o homem preso nesta semana estava hospedado numa pousada às custas da mineradora e havia dado entrada num pedido de auxílio no valor de R$5 mil reais. Os policiais encontraram centenas de donativos na residência em Nova Lima no valor de R$10 mil reais.

A Civil informou que vários artigos de luxo eram comprados com dinheiro da Vale: desodorantes, temperos, pipocas gourmet, energéticos, sucos, água de coco, doces e bombons. Samuel Batista dos Santos foi preso e um segundo suspeito investigado está foragido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.