A Polícia Civil e Federal desarticularam um esquema de corrupção policial na semana passada. A informação veio a tona nesta segunda-feira, dia 4. A operação estourou em várias cidades da Região Metropolitana de BH.

Os policiais suspeitos integravam a Delegacia de Repressão ao Furto, Roubo e Desvio de Cargas (Depatri). Há indícios de que os policiais receberam suborno para “esvaziar procedimento investigativo” sobre um homem preso em Ribeirão das Neves.

O criminoso foi preso com 36 quilos de cocaína em uma casa que era utilizada como laboratório de armazenamento. Os suspeitos teriam recebido dinheiro para a sua soltura e devolução da droga.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

A polícia cumpriu na última terça-feira, dia 28, nove mandados de prisão preventiva, 23 de busca e apreensão, seis afastamentos da função pública de policial, além do sequestro de imóveis e carros.

A operação ”Forseti” teve palco em Nova Lima, Ibirité, Sarzedo, Contagem e BH.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.