Desembargador retorna Tiago Tito ao cargo liminarmente

TJMG concedeu liminar e retornou o vereador ao cargo por risco de ter sido ferido o seu amplo direito de defesa

Foto: Reprodução/Facebook - O vereador Tiago Tito

O desembargador Alberto Diniz Júnior concedeu uma liminar a favor do ex-vereador Tiago Tito (PSD) determinando que ele retorne ao cargo de vereador momentaneamente. Pode ser que a decisão não seja mantida, quando a corte analisará o alegado pelo político.

Tiago Tito foi cassado pela Câmara de Nova Lima depois que faltou à terça parte das reuniões plenárias por estar preso preventivamente. Ele é réu por suposto crime de rachadinha em seu gabinete.

A decisão liminar foi expedida nesta quarta-feira, dia 18, e nela o desembargador entende que diante da defesa de Tito, pode ter existido um desrespeito ao amplo direito de defesa. O desembargador, no entanto, não julgou se de fato houve desrespeito ao direito de defesa, mas como pode ter acontecido, decidiu conceder a liminar.

Solicitamos posicionamento da Câmara Municipal sobre o assunto. Tito já havia sido derrotado em primeira instância, depois que o juiz Kleber Alves de Oliveira lhe concedeu uma liminar retornando o mesmo ao cargo, mas depois que a Câmara explicou o processo fez cair a liminar, retirando Tito do cargo novamente.

17h06 – A Câmara informou que ainda não foi notificada pela justiça

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.