Metade da população de Raposos foi afetada pela chuva, aponta prefeito

Além de Raposos, Nova Lima e Rio Acima também decretaram estado de emergência por conta dos desastres causados pela chuva.

Foto: Reprodução/Instagram Serginho da Bota - Prefeito de Raposos concede entrevista à TV Globo - 10/01/2022

O prefeito de Raposos, Serginho da Bota (PSB), revelou na última segunda-feira, dia 10, que a enchente que atingiu a cidade neste final de semana, foi a maior dos últimos tempos, com cerca de mil residências afetadas e 9 mil pessoas desalojados.

Segundo Serginho, a crise é maior que a de 1997 e também 2020, quando o nível do Rio das Velhas registrou cheias históricas. “A cidade que a gente reconstruiu novamente acabou”, afirmou o prefeito em entrevista ao Jornal Bom Dia Minas, da TV Globo local. A menção é das obras e intervenções feitas para recuperar o munícipio da última cheia. Todo trabalho foi perdido com a novo registro de enchente.

A água subiu mais de dez metros. Isso aqui é uma coisa histórica, e o que mais dói na gente são pessoas que compraram as coisas para pagamento em 24 pagamentos e estão perdendo tudo novamente. Não acabaram de pagar.

Serginho, prefeito de Raposos

Com a alta do Rio, segundo a Prefeitura, casas de dois e até três andares foram totalmente afetadas, o que agravou ainda mais a situação de desalojados, já que muitas famílias dividem o mesmo lote com casas feitas em modelo vertical. O número de atingidos chegou a 9 mil, o que representa metade da população do município.

Não há informação de feridos. Equipes do Corpo de Bombeiros trabalharam para a retirada de moradores de imóveis invadidos pela água.

Reunião com o governador do estado

Prefeitos da Região Metropolitana de BH (RMBH) estiveram na manhã da segunda, reunidos com o governador do estado, Romeu Zema (Novo) que garantiu repasse de R$ 47 milhões do governo federal para socorrer as cidades atingidas pela chuva em todo estado. Pelo menos 145 municípios já decretaram situação de emergência, com 3.409 desabrigados e 13.734 desalojados, além de interrupção no fluxo em estradas que cortam Minas.

“Nós estamos juntamente com a Defesa Civil fazendo todo esse trabalho de levantamento para que essas estruturas públicas – vias, ruas, avenidas, pontes – venham a ser recuperadas o quanto antes. Em algumas regiões já é possível levantarmos esses danos porque as águas já baixaram. Em outras, como aqui na Região Metropolitana, ainda não é possível, mas nós estamos trabalhando nesse sentido. Vamos levar todos esses danos ao governo federal, que já se comprometeu com pelo menos R$ 47 milhões”, afirmou Zema em entrevista á Rede Globo no início da tarde.

O prefeito de Raposos esteve no encontro e gravou um vídeo com o governador que afirmou estar à disposição para contribuir para a recuperação da cidade. “Com a ajuda também do governo do estado iremos mais uma vez reconstruir nossa cidade. Estamos empenhados nesse momento em conseguir doações de alimentos, materiais de limpeza, cestas básicas para o nosso povo que está mais uma vez sofrendo com as enchentes”, afirmou Serginho na publicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.