Fachadas da área central recebem restauração para resgate da cultura local

Ao todo serão 100 fachadas restauradas.


A Prefeitura de Nova Lima, em parceria com a mineradora Vale tem realizado desde o ano passado, no eixo central e comercial da cidade, que compreende o Bicame, as ruas Domingos Rodrigues, Santa Cruz, Bias Fortes e Melo Viana, o projeto conhecido como “Corredor Art Déco” para restauração de um dos maiores conjuntos reunidos de arquitetura desse estilo na região.

Iniciado em outubro do ano passado, a primeira fase de restauro abrigou seis lojas comerciais no coração da Rua Santa Cruz e na sequência, 38 residências já foram entregues e mais 15 edificações estão em fase de obras. O trabalho, segundo o Departamento Municipal de Turismo, é bastante minucioso e toda a pintura é escolhida com base nos pigmentos originais das fachadas que sofreram alteração ao longo dos anos.

Uma das fachadas restauradas pelo projeto.

Além disso, dependendo do estado de conservação da edificação, o trabalho envolve outros serviços e reparos gerais como recomposição de marquises, platibandas e detalhes da arquitetura original.

“O objetivo da revitalização é transformar o eixo Art Déco em mais um atrativo turístico, resgatando e protegendo a história, além de valorizar a arquitetura tradicional do município, atraindo novos olhares e fomentando comércio, emprego e renda locais”, aponta o Departamento de Turismo.


Investimento

O projeto tem aporte financeiro da Vale e conta com a supervisão do Executivo local e é executada pelo Instituto de Desenvolvimento e Sustentabilidade Sócio Cultural (IDESSC) e o Departamento Municipal de Turismo.

Art Déco

O Art Déco é um movimento artístico europeu que chegou a Nova Lima na década de 1930 e influenciou a arquitetura de grande parte da sede da cidade. Mesmo que poucos saibam, no município se encontra o maior número reunido de construções Art Déco da América latina. Os dois maiores exemplos dessas construções são o Teatro Municipal e o Colégio Santa Maria Minas – antigo Liceu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.