Sete estabelecimentos foram interditados em junho por descumprimento de medidas contra a Covid-19

De acordo com balanço, houve 255 ações de Fiscalização e Vigilância Sanitária no período.

Foto: Reprodução/Internet - Pessoas aglomeram em meio a pandemia do Coronavirus

A Prefeitura de Nova Lima divulgou nesta quinta-feira, dia 1, um balanço sobre as ações de combate ao Coronavírus na cidade, através de força-tarefa entre os setores os poder público. Quatro eventos clandestinos foram encerrados.

As ações acontecem em parceria da Guarda Civil Municipal (GCM), Departamento de Fiscalização Sanitária e Divisão de Fiscalização de Atividades Urbanas (DFAU). O resultado da integração é de 255 ações, sendo 45 por parte da GCM, por diversas motivações, incluindo aglomeração em evento não autorizado e até interdição em evento autorizado, mas que não havia distanciamento entre as mesas e o número de pessoas era bem maior do que o permitido.

Já a Vigilância Sanitária foi responsável por 147 ações, com 25 denúncias, 50 processos de licenciamento e 72 renovações de alvarás e vistorias, incluindo as escolas municipais que retomaram as atividades presenciais no mês passado. A DFAU esteve em 63 estabelecimentos, somando 19 notificações e autuações e sete interdições, além de quatro eventos clandestinos encerrados. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.