Indígena é atração no campeonato de Wakeboard em Nova Lima

Etapa acontecerá no final de semana em Nova Lima, na Lagoa dos Ingleses

Foto: Arquivo Pessoal

O jovem indígena Jair Paulino de Souza, de 13 anos, é atração do campeonato mundial de Wakeboard que acontecerá em Nova Lima, na região da Lagoa dos Ingleses, neste final de semana. Haverá etapas do Campeonato Brasileiro, também.

Jair que veio do Amazonas, tem origens da etnia Caparanã e disputa as fases caracterizado. Ou seja, o jovem indígena vai para a água com o rosto pintado, conforme cultura do seu povo. Em disputa, as categorias iniciante feminino, iniciante masculino, intermediário, avançado, open masculino, open feminino e Pro (Brasil Wake Open).

Jajá vai disputar a categoria Open e contou, segundo o Jornal O Tempo, que a disputa é uma forma de promover a cultura indígena: “É uma maneira de divulgar e fortalecer a cultura indígena, mostrar minha raiz, de onde vim e o que sou. Não tenho vergonha de falar que sou indígena. Sempre que estou competindo, lembro dos meus antepassados, de como eles sofreram desde quando os portugueses chegaram e de todo o esforço que precisaram fazer para manter nossa cultura viva até hoje. Foi um caminho complicado”, conta o jovem.

Os treinos livres vão se iniciar nesta sexta-feira, dia 3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.