Moradores temem inundações ao final de obra na MG-030

Em janeiro deste ano já houve problemas na região.

A população que mora na Avenida Professor Aldo Zanini (Banqueta) estão apreensivos com uma obra de drenagem, vinda da MG-030, no trecho em duplicação. Segundo moradores, a água da estrutura pode provocar novas inundações e gerar prejuízos matérias e humanos.

Identificada aqui como Dona (nome fictício), nos contou que em janeiro desse ano, sua casa, localizada na Banqueta, encheu d’água por conta de outra drenagem próxima a que vem sendo construído. Segundo ela, a força da água fez com que passasse por cima do rego em que deveria parar e foi direto para dentro das casas.

Segundo Dona, no dia, sua mãe de 90 anos estava apenas com uma de suas bisnetas em casa. Ela contou que acordou assustada com o áudio de sua neta pedindo socorro e com medo de ficar submersa. Um dos filhos de Dona conseguiu chegar com rapidez ao local e abriu um buraco em uma das paredes para das vazão á água que inundou diversos cômodos. Camas, armários e guarda-roupas tiveram que ser trocados já que a água subiu cerca de 1,5 metros atingido os móveis.

Ela contou que além de barrenta, a água que invadiu a casa da família tinha mau cheiro (esgoto) e que foi possível inclusive ver peixes em meio a tromba d’água.

Dona teme, assim como outros moradores da região, que essa água (vinda da nova drenagem) seja jogada diretamente no Córrego dos Cristais, que fica abaixo da Banqueta. A água de lá corre por toda extensão da Avenida José Bernardo de Barros.

Trecho em obra na Banqueta. O detalhe a direta a drenagem já construída no local.

Segundo os moradores, caso a água seja mantida em qualquer parte da Banqueta haverá risco de inundações.

A Banqueta vem gerando diversas polêmicas ao longo dos anos. Mas, um o problema de maior magnitude ocorreu este ano com as chuvas. Porém, eles já sofriam com infiltrações formadas pela falta de estrutura aonde a água corria. Esse inclusive é um dos motivos da água não passar mais no trecho, conforme apurado pela nossa equipe.

Segundo informação obtida com exclusividade pela nossa equipe, o Prefeito Vitor Penido (DEM) já está ciente da situação e tem articulado uma reunião próxima ao local com os moradores para buscar uma solução antes do término das obras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: O conteúdo está bloqueado. Entre em contato para solicitar o texto.